Atrás de mim


Tenho um ticket só de ida, na mochila sonhos de ainda ser feliz. Um adeus para os mais velhos, mas tenho ainda muito medo da vontade de ser quem eu quis. Quero abrir as asas para poder voar em fim, então ser livre e viver longe daqui. Uma guitarra eu vou ter, a escola da primeira vez, amigos que não volto a ver, na primavera uma canção, as fotos do primeiro amor, lembranças do ultimo verão, eu vou deixando atrás de mim. Tenho nós pela garganta, tenho um mapa que me leva a um outro país, pouca coisa quase nada, uma história e a vontade de ser quem eu quis, e as lembranças eu vou deixando atrás de mim.

Nenhum comentário

Postar um comentário