Jovens


Somos jovens demais para sofrer pelas desilusões do amor, mas velhos demais para não se preocupar com isso. Cada lágrima, dor, amor e sorriso intensificado na juventude. Toda noite um fim de mundo, toda manhã uma alvorada revigorante com a certeza da vida. A liberdade grita em nossos peitos enquanto o desejo de estar com alguém arde em nossos corações. E isso significa ser jovem, o certo namorando o incerto, a intensidade dos momentos e a loucura estampada no sorriso de cada um.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

[Resenha] As Valkirias - Paulo coelho

O Menestrel

Meu amor,