Adeus.


Todos se vão um dia. Uns mais cedo, outros mais tarde, e tudo o que fica é a saudade e as lembranças. Dizer adeus não é fácil, mas é preciso. E quando sentir saudades, é só vasculhar em sua mente um pedacinho da pessoa. Um momento com ela. E comigo não vai ser diferente. Jamais irei esquecer do sorriso dele, dos palavrões, dos xingamentos, das piadas e daquele jeito unico e especialmente de ser. Jamais irei esquecer daquele que brigava com sua mulher e que no momento seguinte estava beijando-a. Daquele que se emocionava facilmente e que fez tudo o que queria enquanto podia. Sentirei falta. E aqui, me despeço de José Gama, mais conhecido como vovô, que aos 88 anos foi para uma melhor, deixando filhos, netos, bisnetos, genros, esposa - deixando a familia. Te amo vovô.

Nenhum comentário

Postar um comentário